Comer... e comprar

quinta, 15 outubro 2015 00:00 Escrito por 

Poncelet Cheese Bar (Madrid)

DosQueijos esteve em Madrid... e quando saiu de Portugal levava uma intenção firme: visitar um dos espaços mais reconhecidos a nível mundial, um verdadeiro templo para os apreciadores: o Poncelet Cheese Bar. Já com espaços de degustação em Sevilha e Barcelona, para além do cheese bar da Calle Jose Abascal, o Poncelet terá a intenção de alargar o conceito para fora das fronteiras espanholas.

E se expectativa era alta, a experiência de forma alguma a defraudou. A visita acabou por se transformar em bis, com muitos queijos provados, com várias propostas gastronómicas experimentadas e, acima de tudo, com conversas muito interessantes com a fantástica equipa que, todos os dias, dá vida àquele espaço.

Este templo do queijo, é simultaneamente um restaurante e um cheese bar, ou seja, tanto permite fazer uma refeição convencional como uma outra exclusivamente baseada em provas dos mais de 200 queijos que apresentam na sua carta.  A carta do restaurante tem uma característica: todos os pratos incluem queijo na sua confecção. Contudo, na carta, vários desses pratos (e estamos a falar de uma carta com várias dezenas de sugestões) incluem um pequeno carimbo com os dizeres 'anti-cheese'. Irónico? Não... é apenas a forma de referenciar que aqueles mesmos pratos podem ser confeccionados sem queijo, o que permite a que mesmo os não apreciadores possam fazer companhia aos que se dirijam ao Poncelet para comer aquela que é a sua verdadeira razão de ser: o queijo...  São muitos os adjectivos que podem ser utilizados para descrever aquele espaço. Mas, provavelmente, aquilo que marcará mais o visitante no seu primeiro contacto é a diversidade de queijos que podem ser provados. Uma carta com mais de duzentos queijos de mais de vinte países é, obviamente, algo que merece referência...

Mais... todo o espaço é construído em torno de uma 'barra japonesa' onde os visitantes podem observar as áreas onde os queijos estão armazenados para utilização e perceber a forma cuidadosa e criteriosa como são cortados, reacondicionados e novamente armazenados.

Para além disso, a carta não se limita a referenciar os queijos propostos. Eles são identificados quanto ao país e região de produção, se são queijos DOP ou não, se são fabricados com leite cru ou pasteurizado, com que tipo de leite é fabricado e (se for o caso) com a indicação da raça específica e grau de intensidade, para além de pequenos descritivos que ajudam a identificar cada tipo de queijo.

A carta contém várias tábuas pré-propostas (a tábua do dia, várias tábuas espanholas, tábuas francesas e italianas, tábuas internacionais...), mas o visitante pode construir a sua própria tábua. Os queijos, com uma apresentação muito cuidadosa, são sempre colocados (e sugeridos) com uma sequência de prova, dos menos intensos aos mais intensos e é oferecida ao visitante uma ficha da sua tábua.

O reconhecimento de um espaço como o Poncelet Cheese Bar muito depende das pessoas que dão a cara por este projecto e estão em contacto com todos os que os visitam.

Nas nossas visitas, tivemos a possibilidade de apreciar a qualidade do serviço, a simpatia com que acolhem que ali se desloca, o gosto com que trabalham o queijo e, acima de tudo, o elevado conhecimento relativo aos produtos que comercializam.

Conversamos com os mestres queijeiros da casa, curiosamente todos com formação e provenientes de profissões nada relacionadas com o produto, e transpira conhecimento e entusiasmo. Definitivamente, um consolo e um excelente exemplo do que normalmente designamos como a construção de uma cultura do queijo.

Foi também notória a curiosidade, mas também o assumido desconhecimento relativamente a muitos dos melhores queijos portugueses. Uma oportunidade a explorar.

Finalmente, o conceito tem várias declinações como o excelente site, o canal youtube ou a loja online, mas também uma loja física, junto a conhecida Calle Génova, bem próximo da estátua de Colón ou do superchic Paseo de la Castellana. Nesta, para além da excelente apresentação dos queijos, fica na retina a forma como são propostos, cortados e embalados os queijos que os clientes levam para suas casas...

Seguramente, visita obrigatória para todos os apreciadores de queijo que se deslocarem à capital do país vizinho.

 

Mais nesta categoria: « DosQueijos... onde provar
ATENÇÃO: Este site utiliza cookies, que usamos apenas para fins estatísticos, de forma a podermos melhorar a sua utilização.